MÍDIA CENTER

Luciano Simões Filho aplaude aniversário de Queimadas

Publicado em: 21/06/2022 15:23
Editoria: Notícia

Deputado Luciano Simões Filho (UB)
Foto: AscomALBA/AgênciaALBA
O município de Queimadas, situado no Território de Identidade do Sisal, festejou 138 anos de emancipação política e administrativa no dia 20 de junho. Na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), o deputado Luciano Simões Filho (UB) protocolou uma moção de aplausos com o povo queimadense para marcar a passagem da data magna.

Com cerca de 44 mil habitantes, conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano de 2021, a cidade de Queimadas está localizada no Polígono das Secas, na margem direita do rio Itapicuru-açu. No documento, o parlamentar menciona a história de formação do município, cuja denominação remonta ao fato de as fazendas existentes na região praticarem queimadas de caatingas com o objetivo de abrir roçados. “Esse era um hábito dos índios que foi seguido pelos colonizadores”, explicou o deputado.

Ao longo da formação do povoamento da região, a denominação Queimadas ganhou uma complementação, passando o lugarejo a ser conhecido por Santo Antônio das Queimadas, em função da construção de uma igreja no local.

Em sua moção, Luciano Simões Filho relata ainda que a devoção a Santo Antônio não se deu por acaso. “De acordo com a história que se transmitiu de geração em geração, ‘com a força de fé das almas simples e crédulas’, dizem que a imagem apareceu, inexplicavelmente, debaixo de uma árvore no local onde há 194 anos se edificou a capelinha”, descreveu. Por mais que a dona da fazenda recolhesse a imagem e colocasse em seu nicho de jacarandá, ela reaparecia no mesmo lugar em que foi encontrada pela primeira vez.

“O caso foi tomado como milagre e a notícia se espalhou pela redondeza, arrastando crentes que passaram a reverenciar o local da aparição. Não havia mais dúvida: Santo Antônio estava a indicar que ali devia ser construída uma igreja, o que foi feito. E assim, no ano da graça de 1815, as obras foram concluídas, e no dia 13 de junho do mesmo ano, Santo Antônio foi entronizado e elevado à condição de padroeiro da povoação nascente”, relatou o legislador em sua homenagem ao município.


Compartilhar: