NOTÍCIAS
Osba faz Concerto de Natal para servidores
Em sua terceira edição, o concerto envolveu centenas de servidores da ALBA com repertório de obras eruditas e da música popular brasileira

Compartilhe

Parlamentares e servidores da Assembleia Legislativa passaram uma tarde diferente, nesta quarta-feira, com o Concerto de Natal  executado pela Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), no Auditório Jornalista Jorge Calmon. O evento, que está em sua terceira edição e já faz parte do calendário de eventos da orquestra, é uma  iniciativa do mandato do deputado Marcelino Galo (PT).

Segundo o parlamentar, a ideia do concerto da Osba na Assembleia surgiu da vontade de apoiar a orquestra que, em 2016, estava desestruturada. “Hoje ela cresceu e está cada vez mais atuante e agradeço aos integrantes pela disponibilidade, o que demonstra grande generosidade dos músicos”, disse.

Regida pelo maestro Carlos Prazeres, a orquestra exibiu um repertório eclético, com obras de compositores eruditos e também da música popular brasileira, tendo como spalla a violinista carioca Priscila Plata Rato. “Entramos de cara com Verão, do compositor barroco italiano Antônio Vivaldi, e depois com o Verão portenho, de Astor Piazzolla”, explicou o regente, que incluiu no mesmo bloco, uma composição de Johann Sebastian Bach, para acalmar o coração.

BOSSA NOVA

A segunda parte do programa foi em homenagem a um dos mais importantes gêneros musicais brasileiros, a Bossa Nova, que comemora 60 anos de surgimento. Junto com a orquestra, o público cantarolou  canções conhecidas, como Wave (Tom Jobim), Tarde em Itapuã  (Vinícius de Moraes/Toquinho), Canto de Ossanha (Baden Powell/ Vinícius de Moraes), entre outras. 

O convidado especial do Concerto de Natal foi o estudante de piano e violoncelo Henrique Souza, de 10 anos, que tocou Asa Branca, consagrada canção nordestina de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira. Como não poderia deixar de ser, o encerramento foi feito com a tradicional e imprescindível música de Natal,  Noite Feliz (Stille Nacht), de Joseph Mohr e Franz Xaver Gruber, entoado pela plateia.

Entre os parlamentares que assistiram ao concerto, José Raimundo (PT) elogiou o evento. “Sempre venho a esses concertos. São momentos culturais e de informação muito importantes aqui, onde há muita tensão. Marcelino Galo está de parabéns por essa iniciativa”, ressaltou.

NeusaMenezes/Agência-ALBA
  • Publicado em: 05/12/2018
  • Setor responsável: ASSESSORIA COMUNICACAO SOCIAL
  • Compartilhar: